Fuzileiro naval desaparece em São Gonçalo

Fuzileiro naval desaparece em São Gonçalo

15 de fevereiro de 2021 0 Por Francisco Avelino

Foto Duvlgação Rede Social Face Boock

O fuzileiro naval, Matheus Filipe, de 24 anos, está desaparecido desde a última quinta-feira (11). O rapaz que mora sozinho, no bairro Santa Luzia, em São Gonçalo, saiu de casa e não foi mais visto.

Segundo a Marinha, Ele chegou a se apresentar no mesmo dia para servir no 1º Batalhão de Infantaria de Fuzileiros Navais (1ºBtllnfFuzNav), após a conclusão de Curso de Especialização, sendo licenciado normalmente. Ainda não há notícias sobre as causas do possível crime ou os eventuais autores.

Segundo familiares, Matheus não teria inimigos, e nem discutido com ninguém. Ele é solteiro e tem uma filha de quatro anos.

O setor de descoberta de paradeiros da Divisão de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG) abriu inquérito para investigar o caso após o registro do desaparecimento do jovem.

Familiares e amigos usaram as redes sociais com fotos de Matheus em busca de possíveis informações que levassem a seu paradeiro.

Corpo Carbonizado

Segundo a Polícia Civil, a DHNSG investiga se um corpo encontrado carbonizado no interior de um veículo, que ficou destruído pelas chamas, encontrado neste domingo (14), em Monjolos, seria do militar.

Ainda segundo a Polícia, os restos mortais foram levados para o Instituto Médico Legal (IML), de Tribobó, e passará por exames.

A Marinha divulgou nota informando que desde a notícia de seu suposto desaparecimento, o Comandante do Batalhão mantém contato com familiares do militar e tem atendido às demandas da Polícia Civil, no intuito de colaborar com as investigações”.