Iniciativa Fomenta Maricá tem o contrato de número 1.000 assinado nesta terça-feira (27)

Iniciativa Fomenta Maricá tem o contrato de número 1.000 assinado nesta terça-feira (27)

28 de julho de 2021 0 Por Francisco Avelino

Fotos: Vinicius Manhães

Durante o ato simbólico, que respeitou os protocolos de segurança sanitária impostos pela pandemia, o prefeito Fabiano Horta parabenizou todos os 10 empresários e MEIs ali presentes e citou que o Fomenta Maricá, ao lado do Programa de Amparo ao Trabalhador (PAT) e do Programa de Amparo ao Emprego (PAE), foi um grande impulsionador da economia local.  

“Foi o conjunto de políticas do PAT, do PAE e do Fomenta [Maricá] que fizeram com que a economia de Maricá produzisse o melhor número do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do estado. Maricá no mês de maio gerou 899 postos de trabalho. Isso tem que ser enxergado não como conjunto solto, mas sim, em uma perspectiva de indução e direção que o município deu, acreditou e vai continuar acreditando. É com essa alegria que o ato simbólico da assinatura demarca no empreendimento de cada um, um ato importante”, afirmou o prefeito. 

O secretário Igor Sardinha comentou sobre a dificuldade que é de o empresário conseguir crédito no Brasil para iniciar o seu empreendimento. 

“Empreender não é só ter vontade e uma boa ideia. É principalmente ter crédito. Aquele que quer empreender não pode ficar na dúvida se usa o dinheiro para pagar as contas de casa ou para comprar insumo, para ter o capital de giro e essa é a realidade de grande parte do cidadão brasileiro”, disse, acrescentando que em Maricá essa realidade é diferente. “Quando a Prefeitura cria um programa, especialmente nesse momento de pandemia, e coloca essas linhas emergenciais com juro zero e um ano de carência, fazendo com que consigamos celebrar 1.000 contratos, superando  R$ 15 milhões injetados na economia, você entende o porquê de Maricá seguir na contramão da crise de outros municípios”, completou. 

Contente em assinar o contrato de número 1.000, a empresária Karina Requena, de 34 anos, contou que o empréstimo de R$ 8 mil conseguido através da iniciativa foi fundamental para manter o quadro de funcionários e investir em equipamentos mais modernos que contribuíram para o diferencial de sua empresa, uma clínica de estética.  

“Para minha empresa o Fomenta Maricá foi um salvamento porque foi um período muito difícil. Isso possibilitou que mantivéssemos nossos funcionários e o nosso espaço funcionando. Estou muito honrada em ser uma mulher empreendedora e ter essa oportunidade maravilhosa de ser o contrato de número 1.000”, disse empolgada. 

Recém-inscrita no Fomenta, Eduarda Matos, de 45 anos, já tem em mente o que fará com o empréstimo. 

“Vou investir em produtos e serviços para melhorar a qualidade do meu trabalho. Penso em comprar um desidratador que vai acelerar  e dar agilidade no meu trabalho. Com o equipamento novo, tem tudo para ser um sucesso”, afirmou a empreendedora, que mora em Itaipuaçu e trabalha com plantas medicinais, chás, brindes e terapia das plantas. 

Implementado em maio de 2020, o Fomenta Maricá disponibiliza três linhas a partir de recursos do Fundo Soberano de Maricá (FSM). Um microcrédito a juro zero, de R$ 300 até R$ 21 mil, a segunda de R$ 21.001 até R$ 40 mil, com juros de 3% ao ano, e uma linha para o MEI de R$ 5 mil, todas com tarifas subsidiadas. O prazo de carência é de um ano e os primeiros contratos já começaram a devolver os recursos remunerando o FSM. As inscrições para o microcrédito continuam abertas e podem ser feitas através do site abaixo.  

sim.marica.rj.gov.br/fomenta