Alunos da rede de ensino superior CNEC  não aprovam unificação entre as redes e se organizam em manifestação.

Alunos da rede de ensino superior CNEC não aprovam unificação entre as redes e se organizam em manifestação.

26 de fevereiro de 2021 0 Por Poliana Esteves

Devido a pandemia do Covid 19 o ensino está sendo totalmente a distância em muitas escolas e faculdades de nível superior, porém a transformação da rede cnec que tem credenciamento com a prefeitura de Maricá por conta do passaporte universitário, em EAD tem causado revolta entre os alunos da instituição de ensino.

Os alunos que estudam pelo programa universitário nessa universidade podem vir a ser prejudicados, a unificação é uma rede apenas em todo o Brasil que transmite às aulas por uma plataforma da internet. Os alunos de Maricá contemplados pelo passaporte universitário são alocados na unidade de Itaboraí, onde tem convênio, a indignação dos alunos não é contra a coordenadoria da CENEC muito menos contra os professores, a indignação e por um sistema que não está funcionando. Os alunos estão ficando sem aula por não conseguir ter acesso as aulas por superlotação nas salas da plataforma.

Segundo a fonte deste jornal em Santo Ângelo/RS, já se encontra acontecendo uma manifestação contra a unificação de todas as redes. Muitos alunos estão sendo prejudicados e querem que a direção da CNEC principal de Brasília tome uma providência sobre esse sistema implantado.

foi relatado, logo após a rematricula, que tirariam a titularidade dos professores de Itaboraí, colocando professores de outros estados, unificando assim alunos de outros estados também, coisa que não está dando certo, o aplicativo usado para aulas remotas, só aceita no máximo 100 alunos, muitos ficam de fora da aula, e ao indagar a faculdade, fomos informados de que a unificação, veio de “cima”. Gostaríamos de um posicionamento claro do MEC.