Bebê queimado em hospital de Niterói é sepultado

Bebê queimado em hospital de Niterói é sepultado

29 de agosto de 2020 0 Por Francisco Avelino

Foto: Divulgação do sepultamento do bebé

Com um sentimento de comoção, tristeza e revolta foi realizado na tarde deste sábado (29), o sepultamento da bebê Juliana Duarte, de apenas seis meses, que teve partes do corpo queimadas durante um banho no Hospital Municipal Getúlio Vargas, o Getulinho, em Niterói.

O sepultamento aconteceu no cemitério Municipal Maruí, no Barreto, na Zona Norte da cidade.

“Infelizmente o que aconteceu foi negligência da profissional. Acreditamos que a justiça será feita”, disse a avó Adilene Feitosa.

A bebê estava internada na unidade de saúde a mais de dez dias, por complicações na traqueostomia, mas o caso se agravou no dia 18 depois dela ter sofrido queimaduras graves durante um banho.

Segundo a direção da unidade de saúde, a técnica de enfermagem foi afastada. Uma sindicância interna foi aberta e os funcionários envolvidos lideram ser demitidos por justa causa.

O caso segue sob investigação da 78° Delegacia de Polícia (DP), do Fonseca.