Rio entra em estágio de alerta por aumento do número de coronavírus

Rio entra em estágio de alerta por aumento do número de coronavírus

17 de março de 2020 0 Por Francisco Avelino

Informação foi divulgada pela Prefeitura, que recomenda jornada de trabalho alternativa em empresas. Aulas da rede municipal foram suspensas.

Avenida Nossa Senhora de Copacabana tinha trânsito atípico às 17h27 — Foto: Marcos Serra Lima/G1


Na tarde desta segunda-feira do dia (16), por volta das 18h, a cidade do Rio entrou em estágio de alerta devido ao aumento do número de casos de coronavírus, informa o Centro de Operações da Prefeitura.

O estágio de alerta é o quarto em uma escala de cinco níveis. A informação foi divulgada às 18h15. Em nota, a Prefeitura informa que equipes atuam na prevenção e contenção do contágio.

Mais cedo, a Prefeitura informou que estuda restringir a circulação de pessoas na cidade.

Avenida Nossa Senhora de Copacabana tinha trânsito atípico às 17h27 — Foto: Marcos Serra Lima/G1
Avenida Nossa Senhora de Copacabana tinha trânsito atípico às 17h27 — Foto: Marcos Serra Lima/G1

“O melhor remédio pra essa epidemia é ficar em casa”, disse Crivella.

Quem deve ir ao hospital

A Prefeitura recomenda que só se procure a unidade de saúde em caso de febre persistente por mais de dois dias, falta de ar ou dificuldade de respirar.

Nesses casos, o paciente deve procurar a Clínica da Família ou UPA para avaliação. Se não houver recomendação de internação, o paciente será liberado e deve ficar em isolamento domiciliar.

Também não serão realizados exames em quem não tem diagnóstico de coronavírus, segundo a secretária municipal Beatriz Busch.

Recomendações

  • pessoas com baixa imunidade devem ficar em casa
  • população deve evitar frequentar cinemas e teatros particulares (públicos estão fechados)
  • jornadas de trabalho alternativo para empresas
  • aulas seguem suspensas (abertas somente para almoço de 11h às 13h)

CORONAVÍRUS

Fonte G1