Câmara de Niterói comemora 200 anos de instalação

Câmara de Niterói comemora 200 anos de instalação

agosto 5, 2019 0 Por Francisco

Eventos culturais e políticos estão programados para celebrar a data

Uma intensa programação política e cultural está sendo preparada para marcar os 200 anos de instalação da Câmara de Vereadores de Niterói. Os eventos estão programados para os dias 08, 10, 11 e 12 de agosto. Sessão solene com entrega de homenagens, ato cívico dedicado a José Clemente Pereira, missa em ação de graças, apresentação de peça teatral, exposição, oficinas, exibição de filmes e lançamento de livros são algumas das atividades previstas.
 
No dia 8, às 14 horas, o escritor, ator, diretor, produtor de teatro, TV e cinema, Jó Siqueira, lança seu décimo oitavo livro: “Eu suportei o insuportável”, no Plenário Brígido Tinoco da Câmara. Nas palavras do próprio autor é um livro “escrito com dor e sangue, mas que hoje é recebido com amor e paixão em todos os lugares em que é lançado, seja no Brasil ou no Exterior”. “Elétrico”, como seu autor, o livro será lançado em vários lugares ao mesmo tempo. Serão cerca de 400 locais simultâneos, incluindo Espanha e Estados Unidos.
 
No mesmo dia 8, às 16 horas, a exposição “Portais da História”, do artista plástico Dawson Nascimento, será aberta ao público. Já no dia 14, também às 16h, uma oficina de entalhe em madeira organizada pelo artista vai propiciar a visitantes e alunos a oportunidade de reproduzir a imagem do prédio histórico da Câmara de Niterói. A exposição e a oficina serão no salão nobre da Casa, no segundo andar.
 
Dando sequência à programação, no sábado, dia 10, às 10h30, a professora Ismênia de Lima Martins, está organizando uma cerimônia especial pelos 200 anos de fundação da Vila Real da Praia Grande, que deu origem ao município de Niterói. O médico e historiador Carlos Whers vai receber a Medalha José Clemente Pereira e diversas personalidades, representando colônias estrangeiras que se estabeleceram na cidade, receberão certificados oferecidos pelo Poder Legislativo.
 
No domingo, dia 11, às 9 horas, será feita uma homenagem ao juiz de fora de Niterói, José Clemente Pereira. O evento, organizado pelo ex-prefeito e atual presidente da Academia Fluminense de Letras, Waldenir de Bragança, será no Palácio Araribóia, antiga sede do Poder Executivo, na Rua da Conceição, Centro.
 
Às 11 horas do domingo, será celebrada a já tradicional missa em ação de graças, na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, no Centro, ao lado do local onde foi realizada a primeira sessão plenária da Câmara. Na missa estarão presentes o presidente em exercício da Câmara, Milton Cal, o deputado estadual Paulo Bagueira (SDD), demais vereadores e convidados.
 
Já no dia 12, segunda-feira, às 15 horas, será encenada a peça teatral “Câmara através dos tempos – Vila Real da Praia Grande 200 anos de história”. A peça será apresentada no Plenário Brígido Tinoco e vai contar a história da instalação do Legislativo. O texto é assinado por Cristina Xavier.
 
Às 16 horas será a vez do lançamento do livro “200 anos de glórias”, contando a história da Câmara desde os primórdios até os dias atuais. Mais tarde, teremos apresentações de grupos de dança na área externa da Casa. 
 
Fechando a noite, às 18 horas, sessão solene especial vai homenagear ex-vereadores, ex-presidentes da Casa e fazer a entrega de medalhas e moções especiais.
 
O Espaço Cinema da Câmara também entra na programação especial dos 200 anos com exibição de documentário histórico, mostra internacional de curtas-metragens e sessão especial. No dia 19 a Mostra Cinema sem Diferenças, do Festival Internacional Du Film Sur Le Handicap (FIFH). Após a exibição dos filmes teremos um bate-papo com o realizador francês Jules Thenier e com Flávia Vargas, programadora do Festival Internacional. Confira a programação no site da Câmara.
 
Vários endereços
 
Em seus 200 anos de existência, a Câmara de Vereadores de Niterói, como os povos nômades do deserto, mudou de endereço por diversas vezes. Das casas de Elena Casemira, Felipe Correia e Joana Helena Teodora da Cunha, ao Palacete de José Maria Pinto Peixoto. Passando pelo Jardim São João, pelas ruas da Praia, Saldanha Marinho, Visconde de Itaboraí, e Conceição, com possível passagem pela Praça Martim Afonso de Souza até o endereço atual, foi um longo caminho.

No dia 11 de agosto de 1819, com a criação da Câmara de Vila Real da Praia Grande, a primeira reunião legislativa foi realizada onde hoje funciona o Hospital Santa Cruz, então casa de dona Elena Casemira. Nesse período, algumas reuniões chegaram a ser feitas na Igreja de Nossa Senhora da Conceição. Até 1822 os locais de reunião são incertos, com fortes indícios que tenham ocorrido, em sistema de rodízio, na residência dos três vereadores da época. Já em 1822 foi para um prédio no Jardim São João, onde hoje funciona a Secretaria Municipal de Educação.

O Fluminense