Moradores elogiam pavimentação de ruas em Bambuí, Jacaroá e em São José do Imbassaí

Moradores elogiam pavimentação de ruas em Bambuí, Jacaroá e em São José do Imbassaí

julho 23, 2019 0 Por Francisco

Os moradores dos bairros Bambuí, Jacaroá e São José do Imbassaí foram beneficiados nesta terça-feira (23/07) com serviços de drenagem e pavimentação executados pela Prefeitura.

Em Jacaroá, foram pavimentados 100 metros da Rua João Germano de Lima (antiga Rua Congo). Ao todo, foram 90 toneladas de massa asfáltica utilizadas para pavimentar a via. Os moradores da rua, Adail de Oliveira, de 82 anos, e sua esposa Kátia Maria Cardoso, de 54 anos, comemoraram. “Moro aqui há mais de 35 anos e sempre sonhei com esse dia. Já perdi vários carros com problemas na suspensão por conta dos buracos. E, hoje, chegou o dia de comemorar”, salientou Kátia.

A aposentada Maria de Fátima Noronha, de 68 anos, e sua filha Cleide Noronha, de 44 anos, também estão muito satisfeitas com a obra. “Era tanto barro e lama que, em dias de chuva, tinha que sair com saco plástico nos pés. Hoje, estamos sendo presenteadas com essa obra”, destacou Maria. A massoterapeuta Maria Emília Santos, de 49 anos, reside há dois anos na via e elogiou a intervenção. “O estado da rua era lamentável. Muito buraco, lama e vala. Hoje acordamos com motivos extras para comemorar”, frisou.

Já em São José do Imbassaí, foram executados 150 metros de asfalto na Rua Tibaú com colocação de manilhas de drenagem de 600 mm e 800 mm de diâmetro.  Os vizinhos Alican Nogueira, de 68 anos, e Yeda Zanini, de 77 anos, moram na rua e elogiaram a chegada do asfalto na via. Com mais de 21 anos, residindo na rua, Nogueira falou que já sofreu muito por conta das chuvas. “Já perdi geladeira, fogão, guarda-roupa, sofá e cama. Qualquer chuvinha eu ficava apavorado com medo da minha casa encher de novo. Agora, a prefeitura está dando um fim nisso, graças a Deus”, relatou.

Já a aposentada Yeda, que mora há 18 anos no local, disse que chegou a chorar hoje ao ver o asfalto na sua rua. “Era um lamaçal que desvalorizava muito minha casa. Tinha vergonha de onde morava. Hoje, a emoção foi tão grande que cheguei a chorar”, confessou a moradora.

Em Bambuí, o asfalto de um quilômetro de extensão beneficiou os moradores da Avenida B. Antes, a rua recebeu tratamento da rede de drenagem com colocação de manilhas de concreto de 600 mm de diâmetro. O aposentado Adelson Gomes, de 79 anos, e seu genro Henrique Silva, de 37 anos, estavam do portão de casa verificando a execução da obra. “Isso aqui era só buraco e lama. Esse asfalto vai melhorar em tudo nossa vida, além de valorizar o nosso imóvel”, disse o aposentado que mora há 12 anos no local.

Morador há 16 anos na avenida, Oswaldo Luiz de Oliveira, de 54 anos, tem uma oficina mecânica que funciona no quintal de casa. Para ele, a obra vai melhorar inclusive a movimentação em seu estabelecimento. “A enchente já afetou minha oficina e tive bastante prejuízo por causa disso. Essa obra vai melhorar o escoamento das águas da chuva e tenho a certeza de que valorizará meu imóvel”, destacou.

Proprietária de uma loja de construção na avenida B, Ivanete Carvalho de Lemos, de 60 anos, é nascida e criada no bairro. “Essa obra vai deixar o ambiente mais limpo, com menos buraco, menos sujeira e poeira. O asfalto sempre valoriza nosso bairro e é muito importante para nos dar mais dignidade”, explicou.

De acordo com informações da Autarquia de Serviços de Obras de Maricá (Somar) além da avenida B, também serão beneficiadas com pavimentação e drenagem as vias do entorno: as Ruas 38 (200 metros), Park Way (200 metros) e Avenida do Contorno (300 metros).

Segundo o presidente da Somar, Renato Machado, as frentes abrangem diversos bairros. “Dezenas de equipes, máquinas e caminhões estão nas ruas atuando de Jaconé a Itaipuaçu com serviços de drenagem, pavimentação e conservação pública”, concluiu.