Museu do Titanic exibirá a maior exposição de salva-vidas do navio

Museu do Titanic exibirá a maior exposição de salva-vidas do navio

junho 13, 2019 0 Por Francisco
Os salva-vidas eram feitos de cortiça dura e lona, ​​o que provou ser perigoso para muitas pessoas que pularam da embarcação para a água

Pela primeira vez, a maior coleção de coletes salva-vidas restantes do navio RMS Titanic estará em exibição de 1º de julho até o mês de dezembro de 2019 no Titanic Museum Attraction, que fica na cidade de Pigeon Forge, nos Estados Unidos. 

“Esta é uma exposição impressionante, exclusiva, e estamos extremamente orgulhosos de trazê-la para Pigeon Forge”, disse Mary Kellogg, presidente do museu. “Existem apenas 12 coletes salva-vidas conhecidos do RMS Titanic no mundo. Pela primeira vez, seis desses artefatos inestimáveis ​​estarão no Titanic Museum. ”

A bordo do Titanic, havia coletes para todos os 2.208 passageiros e tripulantes, mas a falta de botes em quantidade suficiente no caso de uma emergência foi responsável pelo grande número de mortos após o naufrágio do navio, em 15 de abril de 1912. Na tragédia, mais de 1,5 mil pessoas perderam a vida. 

NO FILME TITANIC (1997) OS COLETES SALVA-VIDAS NO NAVIO FORAM RETRATADOS DE MANEIRA CERTA (FOTO: REPRODUÇÃO)

Leia também:
+ Carta revela que Titanic quase colidiu dias antes do acidente fatal
+ Assista ao naufrágio do Titanic em tempo real

Os salva-vidas eram feitos de cortiça dura e lona, ​​o que provou ser perigoso para muitas pessoas que pularam da embarcação para a água. Como muitos corpos não foram resgatados, os coletes também não foram recuperados. 

Para Kellogg, os salva-vidas deram esperança aos passageiros durante o naufrágio e, por isso, são itens de extrema importância. “As histórias que esses coletes vão contar são notáveis”, ela comentou. 

NAVIO TITANIC, QUE AFUNDOU EM 1912 (FOTO: FLICKR/STATE LIBRARY OF QUEENSLAND/CREATIVE COMMONS)

O município de Pigeon Forge, onde está o Titanic Museum Attraction, fica no estado norte-americano do Tennessee.  Para fazer reservas e ter mais informações, acesse o site TitanicPigeonForge.com.

Revista Galileu